quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Celine Roberts - A menina que ninguém queria

Resumo:
Celine tem cinco meses quando é abandonada pela mãe e entregue a uma família de acolhimento, uma família que devia protege-la e amá-la mas que a maltrata e a agride constantemente; aos 7 anos quando o padrasto morre as coisas pioram ainda mais e ela vê os seus sonhos serem destruídos e explorados pela mãe de criação.
Celine é uma sobrevivente, uma sobrevivente ao desleixo do sistema, ao virar das costas dos outros, à ignorância de quem a devia ter protegido.
Quantas Celine's não existem no mundo?
Quantas pessoas preferem encolher os ombros a denunciar os horrores da casa ao lado?
É papel de todos protegermos as nossas crianças e garantir que cresçam em segurança.
Celine sobreviveu mas a que preço?

Opinião:
Um relato verídico que choca mas que acima de tudo revolta, eu só conseguia pensar "mas como é que toda a gente sabia o que se passava e ninguém fez nada? Como é que deixaram que isto acontecesse?"
É um daqueles relatos que nos faz chorar por toda a dor e por todas as perdas que esta mulher enfrentou na vida.
Vale muito a pena ler.



"A minha pele rasgada acabou por sarar.
A minha alma nunca sarou."

"Não estou a chorar, são as lágrimas a correr."

"Nunca fiques com nada que pertença a outra pessoa."

"Não é fácil enfrentar a dor."

1 comentário:

malusophia disse...

Esse livro já foi publicado no Brasil?
onde posso comprar?
Obrigado