terça-feira, 29 de julho de 2014

Anna Casanovas - Ninguém como tu

Lindo, lindo, lindo...
É daqueles livros que não conseguimos parar de ler, que nos conquista por completo, que desejamos ler e ler para saber como é que aquilo vai dar errado.
É um romance do inicio ao fim, que nos faz rir e chorar junto com as personagens.
Como defeito tem o facto de que de vez em quando os diálogos parecem meio básicos, mas isso não estraga em nada a magia do livro.
Adorei completamente e super recomendo a quem gosta de romances.


"Há sempre uma alma gémea para cada um de nós."

"Devia ser proibido que o primeiro rapaz de quem gostaste e te ignorou se transformasse num dos homens mais atraentes que conheces."

"O sexo assim é como fazer ginástica, transpiras e não sentes nada."

"Atira-te a eles que são poucos e cobardes."

"Ia demorar mil ou dois mil anos a esquecer aquele homem, mas havia de conseguir."

"Não sei como te dizer adeus. [...] Mas também não sei como te pedir que fiques."

"Do pouco que se lembrava de anatomia, sabia que não era possível viver sem coração e o dela acabara de se partir em mil pedaços."

"Chorar é esgotante."

Sem comentários: